Portugueses à conquista da Europa

1453863_w2

Hoje em dia, existem demasiados amantes do seu clube de futebol e poucos amantes do futebol português. Algo normal devido à crescente rivalidade entre os 3 grandes portugueses, mas isso deveria ser apenas internamente . . .

Nós somos um povo de um país muito pequeno, com menos habitantes que qualquer país no top 10 do ranking da UEFA (Tirando a Bélgica, com os seus 11 milhões de habitantes, todos os outros têm pelo menos 4 vezes mais habitantes que nós). Se houver, ainda, os tais anti benfiquistas, anti portistas e anti sportinguistas, tornamo-nos ainda mais pequenos! Queiramos ou não, sozinhos nunca chegaremos longe, pois os nossos clubes entram nestas competições europeias com dois pés atrás de todos os outros clubes estrangeiros (seja por recursos humanos, recursos monetários e até pela força mediática). Por isso, todos os apreciadores portugueses de futebol têm que se juntar, para além dos jogos da nossa seleção, nas jornadas europeias para colocar Portugal num lugar acima!!

Continue reading “Portugueses à conquista da Europa”

Advertisements

A festa da Taça de Portugal! (32 avos de final)

taca-de-portugal

 

Antes de falar desta 3ª eliminatória, da taça de Portugal, queria dar a minha opinião sobre as regras de sorteio da mesma. Eu concordo, em pleno, que os jogos das equipas da 1ª divisão, contra equipas de divisões inferiores, sejam feitas em casa destas últimas, pois equilibra a eliminatória e, principalmente, enchem-se estádios, o que ajuda à festa da taça. Mas o que eu não concordo é que as equipas da 1ª divisão não se podem defrontar entre si, ou seja, retira a parte aleatória de vermos jogos escaldantes logo na 3ª eliminatória, e diminui as probabilidades de equipas pequenas chegarem mais à frente. Apesar disto, deslumbramos uma quantidade enorme de supressas, sendo que até os rivais da 2ª circular sofreram sérias dificuldades para vencerem as suas eliminatórias.

Continue reading “A festa da Taça de Portugal! (32 avos de final)”

Relatório & Contas – Porto (2015/2016)

pintodacosta_fcp

A FC Porto – Futebol, SAD apresentou o seu pior resultado líquido de sempre, no exercício 2015/16, na ordem dos 58,4 milhões de euros negativos. A explicação dada, por parte dos dragões, para este resultado foram a “decisão estratégica de não transferência de alguns ativos da sociedade” e a não contabilização, no período em análise, do acesso à edição 2016/2017 da UEFA Champions League. Continue reading “Relatório & Contas – Porto (2015/2016)”